Cinco pilares do sucesso financeiro

Cinco pilares do sucesso financeiro

Uma fonte de estresse e até preocupações é a falta de dinheiro. Nas horas de aperto, é bom lembrar que Deus é a fonte da provisão financeira. “Do Senhor é a Terra e a sua plenitude, o mundo e todos os que nele habitam.” É tudo dEle e Ele gosta de dar o que tem. “Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e encontrareis; batei, e abrir-se-vos-á. Pois aquele que pede, recebe; o que busca, encontra; e ao que bate, se abre.” Entretanto, por mais que Deus queira lhe ajudar, se em sua “casa” financeira estiver faltando alguns dos principais pilares, não suportará. É preciso acreditar que Deus é capaz de suprir e, então, pedir e agir. É aí que conhecimento, bom senso nos negócios e planejamento entram em cena. Felizmente, Deus tem dado uma abundância de conselhos práticos quanto ao que fazer para estar nas melhores condições para receber Suas bênçãos financeiras.

1. Trabalhe para valer. Pode parecer óbvio, mas muita gente não trabalha como deveria e depois não entende por que as coisas não dão certo. O sucesso nos negócios ou mesmo a manutenção de um bom emprego depende de trabalhar com vontade e o tempo necessário. Por mais esperta, qualificada ou habilidosa que a pessoa seja, se não trabalhar, Deus provavelmente não poderá abençoá-la tanto quanto gostaria. “O que trabalha com mão displicente empobrece, mas a mão dos diligentes enriquece.” “Os pensamentos do diligente tendem à abundância.” “O que lavra a sua terra se fartará de pão, mas o que segue os ociosos é falto de juízo.”

2. Valorize e preserve as bênçãos de Deus. O Senhor é um investidor sábio. Ele dá mais para os que Lhe são gratos pelo que receberam e demonstram dar valor ao que têm, cuidando bem das bênçãos materiais que Ele dá, sendo econômico com o dinheiro que Ele supre e não abusando da Sua generosidade. Não seja negligente nem desperdiçador. “Quem é fiel no mínimo, também é fiel no muito, e quem é injusto no mínimo, também é injusto no muito”

3. Dê a quem precisa. Deus vê o sofrimento dos pobres e quer ajudá-los, mas, muitas vezes escolhe fazer isso por meio de agentes terrenos, como você e eu. Por quê? Para que possa abençoar tanto quem dá quanto quem recebe. “Bem-aventurado é aquele que atende ao pobre; o Senhor o livra no dia do mal.” “A alma generosa prosperará; o que regar também será regado.” “Dai, e dar-se-vos-á. Boa medida, recalcada, sacudida e transbordante, generosamente vos darão. Pois com a mesma medida com que medirdes vos medirão também.” “Cada um contribua segundo propôs no seu coração, não com tristeza ou por necessidade, pois Deus ama ao que dá com alegria.”

4. Peça pelas coisas certas. Deus diz: “Pedi e recebereis”. Mas também explica: “Pedis e não recebeis porque pedis mal, para o gastardes em vossos prazeres.” Deus adora nos ver felizes, mas também tem uma visão mais ampla que a nossa. Ele diz: “Assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os Meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os Meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos.” Ele sabe o que, no longo prazo, será melhor para nós e para todos os envolvidos e, com base nisso, atende às orações. É por isso que devemos orar não apenas para Deus prover o que precisamos, mas também para que estejamos alinhados com Deus, orar pelo que Ele sabe ser o melhor, em vez do que nós queremos ou achamos ser o certo. “Esta é a confiança que temos nEle, que, se pedirmos alguma coisa, segundo a Sua vontade, Ele nos ouve. E, se sabemos que nos ouve em tudo o que Lhe pedimos, sabemos que já alcançamos os pedidos que Lhe fizemos.”

5. Veja a riqueza de forma saudável. A vida está cheia de coisas que valem mais que o dinheiro. “Quem ama o dinheiro jamais terá o suficiente.” Não faz sentido pensar que o dinheiro trará verdadeira felicidade Mantenha sua vida espiritual e seu relacionamento com Deus fortes e procure ser um bom exemplo de seguidor sincero e íntegro de Cristo. “Buscai primeiro o Seu reino e a Sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.” “Se ouvires a voz do Senhor teu Deus, todas estas bênçãos virão sobre ti, e te seguirão.” “Se O ouvirem, e O servirem, acabarão os seus dias em prosperidade, e os seus anos em delícias.” “Deus Não nega bem algum aos que andam na retidão.”

Deuteronômio 8:18 Mas, lembrem-se do Senhor, o seu Deus, pois é ele que lhes dá a capacidade de produzir riqueza, confirmando a aliança que jurou aos seus antepassados, conforme hoje se vê.

Provérbios 3:9-10 Honre o Senhor com todos os seus recursos e com os primeiros frutos de todas as suas plantações; os seus celeiros
ficarão plenamente cheios, e os seus barris transbordarão de vinho.

Mateus 6:33 Busquem, pois, em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas lhes serão acrescentadas.

Leave a Reply